Páginas

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Os livros de 2011

Eu nunca fui muito de fazer listas, mas em 2011 comecei a anotar todos os livros que li, aqueles que comprei ou peguei emprestado da biblioteca ao longo do ano.

Livros que li (de junho a dezembro):
. O duplo (Fiodor Dostoiévski/34)
. Pais e filhos (Ivan Turguêniev/Abril)
. Foi apenas um sonho (Richard Yates/Alfaguara)
. A prova  (Agota Kristof/Rocco)
. A terceira mentira  (Agota Kristof/Rocco)
. Um caderno e tanto (Agota Kristof/Rocco)
. Extinção (Thomas Bernhard/Companhia das Letras)
. Reflexo num olho dourado (Carson McCullers/José Olympio)
. O som e a fúria (William Faulkner/Cosacnaify)
. O vermelho e o negro (Stendhal/Globo)
. A zona do desconforto (Jonathan Franzen/Companhia das Letras)
. Sinuca embaixo d'água (Carol Bensimon/Companhia das Letras)
. Órfãos do Eldorado (Milton Hatoum/Companhia das Letras)
. Manaus: praça, café, colégio e cinema nos anos 50 e 60 (José Vicente de Souza Aguiar/Valer)
. Três contos (Gustave Flaubert/Francisco Alves)
. A morte de Ivan Ilitch (Liev Tolstói/34)
. A metamorfose (Franz Kafka/Brasiliense)
. Meu Michel (Amos Oz/Companhia das Letras)
. Passageiro do fim do dia (Rubens Figueiredo/Companhia das Letras)
. Aberração (Bernardo Carvalho/Companhia das Letras)

Livros que comprei (na Festa do livro da USP):
. O vermelho e o negro (Stendhal/Cosacnaify)
. Kháji-Murat (Liev Tolstói/Cosacnaify)
. Contos de Sebastopol (Liev Tolstói/Hedra)
. Pais e filhos (Ivan Turguêniev/Cosacnaify)
. Lady Macbeth do distrito de Mitzensk (Nikolai Leskov/34)
. A morte de Ivan Ilitch (Liev Tostói/34)
. Memórias do subsolo (Fiódor Dostoiévski/34)
. O capote e outras histórias (Nikolai Gógol/34)
. A dama do cachorrinho (Anton Tchekhov/34)
. A sonata a Kreutzer (Liev Tolstói/34)
. Tolstói ou Dostoiévski (Georg Steiner/Perspectiva)

Outros livros que comprei:
. Borges oral & sete noites (Jorge Luis Borges/Companhia das Letras)
. História da eternidade (Jorge Luis Borges/Companhia das Letras)
. Atlas (Jorge Luis Borges/Companhia das Letras)
. Os últimos dias (Liev Tolstói/Penguin-Companhia)
. Os ensaios (Montaigne/Penguin-Companhia)
. Malá Strana: vestígios de Praga (Jan Neruda/Record)
. 1001 livros (Vários/Sextante)
. 501 escritores (Vários/Sextante)
. A prova (Agota Kristof/Rocco)
. A terceira mentira (Agota Kristof/Rocco)
. Um caderno e tanto (Agota Kristof/Rocco)
. Olhar escutar ler (Claude Lévi-Strauss/Companhia das Letras)
. Manaus: praça, café, colégio e cinema nos anos 50 e 60 (José Vicente de Souza Aguiar/Valer)
. A ilusão do fausto: Manaus - 1890-1920 (Edinea Mascarenhas Dias/Valer)
. A short walk in the Hindu Kush (Eric Newby/Lonely Planet)
. Mani: travels in the Southern Peloponnese (Patrick Leigh Fermor/New York Review Books)
. Só garotos (Patti Smith/Companhia das Letras)
. Anna Kariênina (Liev Tolstói/Cosacnaify)

Um livro que comecei e parei (por falta de tempo hábil, já que era da biblioteca):
. Moby Dick (Herman Melville/Cosacnaify)

Um livro que comecei e ainda não terminei:
. Anna Kariênina (Liev Tolstói/Cosacnaify)

Uma autora que nunca pensei em ler, mas que me fez mudar de idéia:
. Jane Austen

Tirando a poeira...
... de todos os meus livros de poesia (da coleção Dover Thrift Editions), especialmente John Keats e Emily Dickinson.

2011 foi o ano...
... em que retornei às minhas origens e finalmente tive a coragem de tirar da gaveta e assumir um projeto acalentado há décadas.

2012 é o ano...
... do meu retorno à poesia e da continuidade de uma longa caminhada cujo passo decisivo dei em junho de 2011.

Nenhum comentário: